Conecte-se conosco

Regional

Em Poços: Presidente da Câmara afirma que projetos importantes precisam ser discutidos em 2021

Publicado

em

Durante a sessão solene de Instalação e Posse da 19ª Legislatura, o vereador Marcelo Heitor da Silva (PSC) foi eleito presidente da Câmara para o biênio 2021/2022. Segundo o parlamentar, a expectativa é que o Legislativo de Poços possa debater e votar projetos importantes para a cidade nos próximos meses, entre eles o Plano Diretor.

O vereador Marcelo Heitor da Silva (PSC) foi eleito presidente da Câmara para o biênio 2021/2022

Marcelo Heitor ressalta que outros temas também precisam ser abordados em 2021, tais  como Plano de Mobilidade Urbana, aterro sanitário e segurança pública. “Temos muito projetos que devem ser discutidos na Câmara, projetos de interesse comum. Inclusive falei em meu discurso inicial, após a eleição da Mesa Diretora, sobre o Plano Diretor. Uma matéria que envolve toda a nossa cidade. Temos ainda outras questões, como a segurança, a saúde, a educação e a geração de empregos. Com relação a este último, é preciso trabalhar em conjunto com a SEDET para incentivo a novas empresas. São todos temas relevantes que a Câmara tem que participar não só na votação de projetos de lei, mas participar com a apresentação de propostas, trazendo o sentimento da população para a Casa, a fim de que tomemos sempre as melhores decisões”, afirma.

Sobre a eleição para presidente da Casa, o vereador destaca que a responsabilidade na condução dos trabalhos é muito grande. “Fiquei feliz e muito honrado por ter sido eleito presidente da Câmara. E é preciso falar da responsabilidade em assumir o cargo. Na verdade, essa responsabilidade eu quero compartilhar com a Mesa e dividir com os nossos vereadores e nossos assessores da Câmara, competentes e experientes, para que juntos possamos fazer um bom trabalho, cada um na sua função, em prol da nossa cidade e do cidadão poços-caldense. Isso me motiva bastante a trabalhar hoje, fazer o nosso melhor, deixando assim um bom legado para os legisladores que virão e para nossa cidade”, enfatiza.

Marcelo acredita que o presidente da Câmara tem um papel importante de representar o Legislativo e, para ele, é preciso valorizar o papel do vereador. “Lembrando que o Poder Legislativo é um poder independente, mas que, de fato, precisamos trabalhar em harmonia para que políticas públicas, propostas que vão ao encontro do nosso cidadão, sejam implantadas. A Câmara tem o papel de fiscalizar o Executivo, propor projetos de lei e representar a população nas suas angústias e necessidades e quero ressaltar a importância das matérias que tramitam na Casa. Uma das ferramentas que precisam ser exploradas é despertar o interesse da população na discussão desses projetos, trazendo as pessoas para o debate dentro da Casa. Peço sempre sabedoria de Deus para que possamos fazer o melhor, em harmonia também dentro da Câmara. Cabe ao presidente, ainda, esse papel moderador, a fim de que as propostas sejam legítimas, pacíficas e democráticas”, conclui.

 

Por | Assessora de Imprensa – Câmara Municipal de Poços de Caldas/MG

Continuar Lendo
Anúncio
Clieque para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Regional

Em Poços: Licitação define destinação de resíduos sólidos

Publicado

em

Na manhã desta sexta-feira (15) a Prefeitura de Poços de Caldas realizou a licitação que definiu a destinação final dos resíduos sólidos urbanos e rurais coletados na cidade, bem como o transporte até este local.

A questão do lixo no município é um problema que se arrasta há pelo menos 15 anos. O aterro controlado local já não comporta mais o lixo produzido na cidade. A Prefeitura vinha buscando alternativas para solucionar o problema atendendo determinação do Ministério Público. Com esta licitação, a empresa vencedora fará o transporte de todo o volume produzido para um aterro em outro município, prática já executada em outras cidades.

Três empresas participaram da licitação, sendo a Seleta (Sociedade Empresarial de Coleta e Tratamento de Resíduos Ltda.), de Ribeirão Preto (SP), declarada a vencedora por apresentar o menor preço, R$159,50 por tonelada.

As empresas participantes ainda têm três dias úteis para protocolarem recursos e outros três dias para contrarrazões. Pela proposta vencedora, o lixo coletado em Poços deverá ser depositado em uma estação de transbordo, que fica na zona rural, e a empresa vencedora da licitação transportará o lixo até o aterro licenciado, localizado em Casa Branca (SP). O local do transbordo já está licenciado pelos órgãos ambientais, e receberá obras estruturais para dar início ao serviço.

 

Por | Secretaria Municipal de Comunicação Social – Prefeitura de Poços de Caldas/MG

Continuar Lendo

Regional

Poços está pronta para a vacinação contra a COVID-19

Publicado

em

A Secretaria de Saúde já elaborou o plano de contingenciamento para vacinação; seringas e agulhas chegaram na última quinta (14)

A Secretaria Municipal de Saúde já elaborou o plano de contingenciamento para vacinação contra a Covid-19 e aguarda a aprovação das vacinas pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) e a distribuição delas pelo Governo Estadual. Toda a parte de logística interna já está pronta, bem como a organização das salas de vacinação e dos profissionais capacitados que estarão responsáveis pela imunização.

“Estamos nos preparando há algumas semanas para a vacinação e hoje podemos afirmar que estamos prontos para o início do trabalho, assim que recebermos as vacinas do Estado”, informa a secretária-adjunta de Saúde, Rosilene de Oliveira Faria. “Importante lembrar que a vacinação seguirá um cronograma e uma prioridade de grupos, seguindo as normativas do Estado. A população será informada sobre quais grupos serão vacinados primeiro, bem como os locais e datas”, explica.

O governador de Minas Gerais, Romeu Zema, garantiu, em entrevista na quinta-feira (14), que a vacinação no Estado começa em até 48 horas após a liberação de doses pelo Ministério da Saúde e que o Estado já montou uma força tarefa para o transporte destas vacinas.

Na quinta, a secretaria recebeu da Superintendência Regional de Saúde 54.710 unidades de seringas e agulhas, que serão destinas à fase inicial campanha de vacinação. A Secretaria de Saúde alerta a população sobre a importância de continuar seguindo as medidas de prevenção, pois a pandemia continua mais forte.

Por | Secretaria Municipal de Comunicação Social – Prefeitura de Poços de Caldas/MG

Continuar Lendo

Regional

Poços recebe seringas e agulhas do estado para vacinação contra Covid-19

Publicado

em

Caixas contendo 54.710 unidades já estão de posse da Secretaria Municipal de Saúde

Poços de Caldas já conta com seringas e agulhas destinadas à fase inicial da campanha de vacinação contra a Covid-19. O município recebeu do governo estadual 54.710 unidades. As 229 caixas vieram da Superintendência Regional de Saúde de Pouso Alegre.

No início da semana, o governador Romeu Zema esteve em Varginha para vistoriar o primeiro lote de seringas e agulhas que foi enviado para a macrorregião. Ao todo, a regional recebeu 300 mil unidades.

Além das seringas, o Governo de Minas adquiriu 617 câmaras refrigeradas para o armazenamento das vacinas. A estratégia começou a ser elaborada em setembro do ano passado, por meio do Plano de Contingenciamento para Vacinação contra a Covid-19.

Já a previsão do Governo Federal é de que a Campanha Nacional de Vacinação comece ainda este mês ou no início de fevereiro. Na primeira etapa, devem ser vacinados idosos, profissionais de saúde e indígenas. Duas vacinas estão aguardando liberação para uso emergencial, temporário e experimental: a Coronavac, desenvolvida pela chinesa Sinovac, em parceria com o Instituto Butantan, e a vacina da AstraZeneca/Oxford, testada pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).

 

Por | Secretaria Municipal de Comunicação Social – Prefeitura de Poços de Caldas/MG

Continuar Lendo

Em Alta